Comida de fim de semana…

Ontem levantei-me sem paciência nenhuma para ir às compras… o frigorífico já estava a precisar de um reforço, mas pensei:  “É Sábado caraças! Não me apetece sair de casa… tive uma noite corrida no restaurante e estou todo partido!”
Lá fiz um café e pus-me a pensar no que podia usar para o almoço, decidi-me a fazer uma incursão ao frigorífico que estava a olhar para mim com um ar estranho e ameaçador… umas cebolas roxas… uma embalagem de pimentos padrón, mozzarella e um tomate esquecido e ostracizado numa das gavetas. Decidi estender as minhas explorações até à dispensa, onde encontrei um pacote de farinha e umas latas de sardinhas em tomate. Confesso que ao início este somatório de ingredientes não me deixou muito entusiasmado… mas lá me pus a magicar uma ideia e lembrei-me de fazer um calzone, que não é mais que a versão fechada de uma pizza. Para poder fazer um calzone temos duas etapas importantes: fazer a massa e o recheio. Ora para isso precisamos de :
Para a massa:
250 g de farinha;
– 2 colheres de café de fermento para bolos;
20 g de banha de porco;
– Azeite;
– Sal;
– 200 ml de água;
Para o recheio:
– Pimentos padrón;
– 1 cebola roxa;
2 a 3 dentes de alho;
– 1 tomate;
– Sal;
– Malagueta moída;
– Sardinhas em tomate sem pele;
– Mozarella fatiado;
– Cerefólio ( ver Prateleira de Especiarias…);
Podemos começar por fazer a massa, juntem numa taça grande a farinha; o fermento; a banha; o sal; o azeite e a água adicionem no fim. Usem uma batedeira para amassar, se forem lá com as mãos nem para a semana estão despachados:P  Quando a massa tiver a aparência de uma bola verifiquem a textura com os dedos, se estiver muito pegajosa adicionem farinha e amassem um pouco mais. Depois envolvam em película aderente e ponham no frigorífico cerca de meia hora a repousar.
Enquanto isso, piquem a cebola e os alhos; limpem os pimentos de sementes; cortem o tomate aos cubos, e ponham tudo a refogar. Adicionem a malagueta e um pouco de sal… não muito porque as sardinhas já são bastante salgadas! Depois do tomate estar liquefeito, tirem do lume e reservem. Por esta altura já podem retirar a massa do frigorífico, e começar a esticá-la… polvilhem um pouco de farinha por cima da bancada da cozinha e com um rolo da massa estiquem-na de modo a que fique fina, ponham a palma da mão por cima da massa e se sentirem a superfície da banca, a massa está devidamente esticada. Espalhem o recheio ao longo da massa, coloquem as sardinhas por cima do recheio, e posteriormente o mozarella com um pouco de cerefólio picado e pimenta moída. Unam as duas extremidades da massa em forma de meia lua e para selar pincelem com ovo batido.
Com uma espátula larga, coloquem o calzone, num tabuleiro com papel vegetal e levem ao forno cerca de meia hora a uma temperatura de 180º.
Acompanhem com uma salada de  rúcola e rabanetes, sirvam com um branco fresco… um Quinta do Pinto – Viognier & Chardonnay 2007 … um belíssimo vinho, fruto do grande trabalho que está a ser desenvolvido na região de Lisboa.
Deixo-vos com este fantástico Queremos Paz dos Gotan Project… o tango e a música electrónica em simbiose perfeita!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s